• Isis Stelmo

Escolha com sabedoria ;-)

Atualizado: 16 de Jul de 2019


Você já ouviu falar em "Prevenção quaternária"?

Foi um termo cunhado pela primeira vez em 1986, porém apresentado apenas em 1995 pelo médico da família belga, Marc Jamoulle, e refere-se à prevenção de danos que podem ser causados pelo excesso de procedimentos médicos ou de medicação (iatrogenia).

Significa que o paciente é protagonista de seu tratamento e a escolha deste é feita em conjunto com o profissional de saúde. As decisões tomadas visam evitar a polifarmácia, cirurgias desnecessárias e outros procedimentos invasivos, exames diagnósticos, enfim, o uso indevido das tecnologias chamadas "duras", as quais utilizam apenas recursos materiais e nenhuma ou quase nenhuma interação humana.

Além de representar uma grande economia para os recursos gastos em saúde, privilegia, também, o uso das tecnologias leves, como as relações estabelecidas entre profissional da saúde e paciente, a criação de vínculo, a troca de saberes entre as duas partes, o atendimento humanizado.

Acredito que a prevenção quaternária nos força a sermos melhores profissionais de saúde e melhores pacientes, pois ambas as partes precisam estar muito inteiradas sobre a condição de saúde-doença e o paciente precisa ser ou tornar-se muito empoderado.

Existe um movimento criado pela fundação American Board of Internal Medicine (ABIM) chamado Choosing Wisely, cujo objetivo é auxiliar profissionais e pacientes a discutir a melhor forma de cuidado, considerando se este é ou não baseado em evidência, se é livre de prejuízos, se é realmente necessário e não repetir procedimentos já realizados em um curto período de tempo.


Para saber mais, acesse:

http://abimfoundation.org/

http://www.choosingwisely.org/about-us/

COELHO, Márcia Oliveira; JORGE, Maria Salete Bessa. Tecnologia das relações como dispositivo do atendimento humanizado na atenção básica à saúde na perspectiva do acesso, do acolhimento e do vínculo. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , v. 14, supl. 1, p. 1523-1531, Oct. 2009 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232009000800026&lng=en&nrm=iso>. access on 31 Oct. 2016. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232009000800026.

Merhy EE, Chakkour M, Stéfano E, Stéfano ME, Santos CM, Rodrigues RA. Em busca de ferramentas analisadoras das tecnologias em saúde: a informação e o dia a dia de um serviço, interrogando e gerindo trabalho em saúde. In: Merhy EE, Onocko R, organizadores. Agir em saúde: um desafio para o público. São Paulo: Hucitec; 2006. p. 113-150.

#prevençãodedoenças #prevençãoquaternária #iatrogenia #ChoosingWisely

5 visualizações